Responsabilidade em ser Leão

PDG ANTONIO DOMINGOS ANDRIANI

            Este nosso ponto de vista foi embasado e elaborado a partir de observações colhidas no mundo da literatura leonística.

            Em Lions não pode haver meio termo. Ou se aceita ou não se aceita. O Leão não precisa ser solicitado para realizar alguma tarefa. Ele deve e tem o dever de tomar a iniciativa. Deve evitar dizer para este ou aquele Presidente: eu trabalho; mas sim: realizei as minhas tarefas de Leão, independentemente de quem esteja no comando do meu Clube. Porque, se não for assim, ele não se tornará um verdadeiro Companheiro Lider-Leão.

            O verdadeiro Lider-Leão não deve esperar que o Presidente lhe convide para cumprir as tarefas que lhe são confiadas. Todos devem dar sua colaboração para o bom desempenho da Diretoria do Clube, mesmo quando o assunto não esteja afeto ao seu cargo. Frequentar um Clube de Lions não é somente situar-se na presença física do Companheiro em si. É algo mais positivo e sublime. É participar e desenvolver suas atividades sem interesse pessoal ou profissional. É viver em companheirismo. É sentir os problemas do seu Clube e procurar, com sua capacidade, discrição e imparcialidade equacioná-los e apresentar soluções, sem apontar culpados ou tecer críticas descabidas.

            O verdadeiro Lider-Leão é altruísta. Interessa-se pelo Companheiro, pelo seu Clube, pelo Distrito e pela nossa Associação Internacional.

            Lions é participação, é frequência, é compreensão. Compreensão é trabalho, e quem trabalha transforma seu Clube em um grande Clube, dando à Diretoria condições de bem administrá-lo. Associados de qualidade implicam em Clube de qualidade e, consequentemente, em serviço de qualidade, objetivo maior do movimento leonístico.

            Olhando para os mais altos propósitos de Lions Clube, podemos, no dia-a-dia, observar os frutos gerados pelo nosso trabalho em prol das camadas populacionais mais carentes da comunidade. Para sentirmos a grandeza do trabalho de um Lider-Leão devemos avaliar o seu efeito futuro, através da formação de uma sociedade mais justa e equitativa.

            No leonismo o companheirismo é uma das vigas mestras e uma das razões de ser de um Clube de Lions, onde é fundamental, para o êxito dos seus objetivos, a união dos associados por laços de amizade, fraternidade, lealdade e compreensão recíproca.

            O binômio “Servir com Participação”, lema do nosso ano leonístico como Governador 1997/1998 do Distrito LC-6, representa toda a essência do movimento criado em 1917 por Melvin Jones.

Ao Lider-Leão conclamamos a atenção de que o importante não é apenas colocar mais um associado no Lions. Importante, isto sim, é dar posse a um novo Lider, que realmente seja um Leão de qualidade.

Adicionar comentário

Cuidado com os termos para não ser banido.


Código de segurança
Atualizar

3º RGD 3 e 4 Fev/18 

Auriflama-SP 03 e 04 Fevereiro 2018
7
7
2
2

Usuários Online 

Temos 88 visitantes e Nenhum membro online

Login 

Bem Vindo ao Distrito LC-6!

Distrito LC-6

Visitantes

899602
Hoje
Ontem
Esta Semana
Última Semana
Este Mês
Último Mês
Total
2700
843
6821
807052
38295
64512
899602

Seu IP: 54.225.16.10
22-11-2017 22:13

Curtir No FaceBook 

Scroll to top