Fala3

Depoimento de uma figura importantíssima:

 

LAMENTO E CHORO DO PROTOCOLO LEONÍSTICO

PDG ANTONIO DOMINGOS ANDRIANI

            Certa vez, durante uma noite de divagação leonística, adormeci e sonhei com o seguinte depoimento de uma das principais figuras  do nosso grandioso movimento:

            “Meu nome é Protocolo Leonístico.  Fui concebido por Lions Internacional, a partir da sua fundação, com base em regras já existentes em um livro intitulado “Robert’s Rules of Order” (Normas de Procedimentos de Robert), lançado em 1876 pelo engenheiro militar norte-americano Henry M. Robert.  Nesta publicação, o autor criou um conjunto de normas destinadas a reger e orientar o bom andamento no funcionamento dos eventos.  E Lions Internacional estruturou sua ação protocolar nessas normas, sacramentando-as inclusive nos Estatutos e Regulamentos da associação.  É evidente e natural que, com o passar do tempo, adaptações e alterações foram realizadas, mas a essência continua até hoje.  E assim fui crescendo, procurando me manter forte e rijo.

            Como pode ser constatado, já sou veterano.  Mas, apesar da idade, observo que existem muitos membros da minha família leonística que não me respeitam.  E isso me entristece!   Não por mim, que já me acostumei com esses descasos, mas principalmente pelos novos membros que vêm se agregar ao nosso movimento.  Se quem já participa não me respeita, o que esperar dos novos participantes?

            Estou presente e participo de todos os eventos leonísticos!  O que tenho visto, nos últimos tempos, me deixa apreensivo.  Existem dirigentes que não estão nem aí comigo.  Simplesmente me jogam às traças, deixando que cada um dance ao som da música que quiser.  Avalio, com tristeza, que o prejudicado não sou eu, mas o leonismo como um todo.  Por isso, lamento e choro!

            LAMENTO, quando se inicia um evento com algum atraso com relação ao horário que foi estabelecido, e sem qualquer limite para término ou encerramento da solenidade.  Isso denota, na ótica do meu entendimento, tremenda falta de respeito para com aqueles que chegam no horário.  Ou não?

            CHORO, quando o convite expedido com carinho recomenda traje social completo, e muitos se apresentam em manga de camisa, jaqueta, sem gravata ou cordão, tênis e outros trajes.  É um desrespeito para aqueles que atendem as recomendações do convite e comparecem trajados adequadamente.  Duvido que algum CL não tenha pelo menos um terno e uma gravata!

            LAMENTO, quando na composição da mesa dirigente não é observada a precedência protocolar existente.  Ou quando se colocam em mesas separadas dirigentes da mesma categoria.  Ou quando convocam primeiro um não associado antes de um dirigente leonístico que esteja presente.

            CHORO, quando a leitura da Invocação a Deus, dos Propósitos dos Lions Clubes, do Código de Ética do Leão ou da Oração pelo Brasil é iniciada com a leitura preliminar do título.

            LAMENTO, quando durante uma assembléia festiva, enquanto algum dirigente está fazendo uso da palavra, Companheiros, Companheiras e Domadoras continuam conversando como se nada estivesse acontecendo, numa tremenda desconsideração para com o orador.  E essa falta de cortesia compromete a minha imagem.  E não se deve, nesse aspecto, criticar apenas o Clube anfitrião, pois, em grande parte, os visitantes é que demonstram essa falta de educação leonística.

            CHORO, quando são iniciados os trabalhos da reunião ou assembleia com demoradas, longas e enfadonhas introduções e falações desnecessárias, chatas e inconvenientes.

            LAMENTO, quando as bandeiras são colocadas no suporte sem obedecer o posicionamento protocolar.  Ou quando a Bandeira do Brasil não está colocada num patamar levemente mais elevado que as demais.  Ou quando o Lábaro Nacional é de tamanho inferior a outras bandeiras, e deveria possuir, no mínimo, as mesmas dimensões das demais.  Ou quando um Companheiro ou Companheira, durante a saudação ou execução do Hino, fica segurando ou esticando a Bandeira Nacional para destacá-la no mastro.  Ou quando o suporte ou pedestal com as bandeiras não está colocado à direita da mesa de trabalho, olhando-se desta para a platéia.

            CHORO, quando, por qualquer motivo, deixam de entoar ou executar o Hino Nacional ou o Hino à Bandeira.

            LAMENTO, quando qualquer evento leonístico é iniciado sem a praxe protocolar da leitura da “Invocação a Deus”.

            CHORO, quando durante a solenidade de posse de um novo associado os “Propósitos dos Lions Clubes” são lidos antes do “Código de Ética do Leão”, quando, necessariamente, este deve anteceder a leitura daqueles.

            LAMENTO, quando é feita a apresentação do orador oficial de um evento com longo e tedioso currículo, com menção de aspectos familiares e profissionais de forma descabida e desnecessária.

            CHORO, quando o Companheiro nomeado para funcionar como Mestre de Cerimônia não se restringe a agradecer sua nomeação, dando início ao roteiro, como também usa a palavra como se fosse um palestrante, com citações inoportunas e não condizentes com a função a que foi distinguido.

            LAMENTO, quando alguém chama um associado de “Leonino”, denominação esta imputada aos portadores de fácies de leão, característica da Síndrome de Down.

            CHORO, quando inexiste instrução leonística nas assembleias ordinárias dos Clubes.

            LAMENTO, quando é escolhida uma Domadora para leitura do “Código de Ética do Leão” ou dos “Propósitos dos Lions Clubes”, que é uma atribuição exclusiva de Companheiro Leão.  Às Domadoras, por cavalheirismo e deferência, pode-se permitir a declamação da “Invocação a Deus” e a leitura da “Oração pelo Brasil”.

            CHORO, quando o Diretor Animador ou Social conta piadas inoportunas, histórias ofensivas, discriminatória, de gozação, que possam magoar, melindrar e ferir suscetibilidades.

            LAMENTO, quando algum Companheiro, Companheira ou Domadora é chamado ou intitulado de senhor, senhora, professor, doutor e outros títulos.

            CHORO, quando candidatos a associados, ainda não oficialmente empossados, são intitulados de Companheiro ou Companheira Leão, mesmo na assembleia festiva que dará origem às suas posses, antes de prestarem o juramento oficial.

            LAMENTO, quando nas reuniões do Clube é solicitada a colaboração financeira para outros Clubes, Distritos ou atividade paralela.  Ou quando são vendidas rifas, ingressos, ação entre amigos e objetos diversos em nossas assembleias, especialmente de cunho não leonistico.

            CHORO, quando alguém faz uso da palavra livre, ou palavra dirigida, ultrapassando o limite de tempo estabelecido por aquele que a concedeu.

            LAMENTO, quando é solicitado ao recém-empossado dar ou fazer o “urro do Leão”.  Esta prática, que havia sido criada por Anthony Menke, do Lions Clube de Detroit, em 1943, já caiu em desuso,  foi abolida por recomendação de Lions Internacional e não deve mais ser utilizada.   Além de constranger o incorporado, é de efeito desagradável e cunho infantil, parecendo mais uma vaia ou gozação do que uma demonstração de boa recepção ao novo associado, obrigando-o a fazer o papel de bufo.

            CHORO e LAMENTO quando....  Bem, são tantos os erros, gafes e aberrações feitas em meu nome que poderia preencher páginas e mais páginas com elas.  Mas, isso não daria a impressão da lavratura de um testamento?  Aí sim, eu estaria assumindo e antecipando meu próprio desaparecimento.

            Meu desejo é ter uma vida saudável e de pleno vigor.  E o remédio para isso poderá ser-me concedido com o beneplácito dos membros da minha família leonística, principalmente por parte daqueles que têm o desejo da minha perpetuação.  Um fraternal abraço a todos, do seu Protocolo Leonístico.”

            Acordei e voltei para a realidade de hoje.  Mas, cá entre nós, não haveria possibilidade de transformarmos esse sonho em realidade?

Comentários  

0 #3 Sonia Maria Gera 11-11-2015 11:42
:D
Citar
0 #2 Joãozinho 04-11-2015 23:32
Mais uma bela produção do CL Andriani, excelente texto! Cabe a todos nós, companheiros, colocar esses conhecimentos em prática.
Citar
+1 #1 claudio peres 04-11-2015 13:14
parabens cledg andriani para que este seu sonho se torne realidade precisamos de mais alguns ccll andriani
Citar

Adicionar comentário

Cuidado com os termos para não ser banido.


Código de segurança
Atualizar

3º RGD 3 e 4 Fev/18 

Auriflama-SP 03 e 04 Fevereiro 2018
7
7
0
0

Usuários Online 

Temos 22 visitantes e Nenhum membro online

Login 

Bem Vindo ao Distrito LC-6!

Distrito LC-6

Visitantes

901737
Hoje
Ontem
Esta Semana
Última Semana
Este Mês
Último Mês
Total
167
1874
8956
807052
40430
64512
901737

Seu IP: 54.80.33.183
24-11-2017 07:03

Curtir No FaceBook 

Scroll to top