Fala3

8 DE MARÇO, DIA INTERNACIONAL DA MULHER

PDG ANTONIO DOMINGOS ANDRIANI

            Todos os anos, a 8 de março, o “Dia Internacional da Mulher” é festejado no mundo todo.   Isso significa que o movimento de emancipação da mulher avançou e conquistou seu espaço na sociedade.   Hoje as mulheres estão inseridas com sucesso no mercado de trabalho e se destacam em inúmeras atividades, muitas delas, anos atrás, consideradas somente para os homens.

            Mas, infelizmente, para que isso exista hoje foi necessário o sacrifício cruel de 129 operárias, que foram trancadas em um galpão e queimadas pelos patrões, tão somente por terem tido a ousadia de reivindicarem redução de jornada de trabalho na fábrica têxtil Cotton, em Nova Iorque, em 1857, portanto há 159 anos.

            A participação da mulher tem aumentado muito nos últimos anos.  E não adiante ficar justificando ou discutindo se os homens é que passaram a admitir a participação da mulher ou se realmente as mulheres estão cada vez mais competentes e, assim, conquistando seu merecido espaço.

            A verdade é que, além de dar conta dos serviços do lar, dos quais as mulheres nunca conseguem ficar livres, elas estão participando muito mais da vida política, social, esportiva, intelectual e administrativa das empresas mais variadas, inclusive em nosso adorável mundo leonístico.

            É claro que essa nova situação tem um preço e outras exigências.  Hoje, não basta à mulher ser meiga e bonita.  Ela precisa estudar, aperfeiçoar-se, atualizar-se e desenvolver suas aptidões profissionais, além de saber também organizar sua própria vida.

            Dessa maneira, toda nova dimensão da mulher é uma compensação.  Elas podem se realizar em novas áreas, mas precisam demonstrar eficiência para que isso aconteça.

            Passado o primeiro momento de euforia, de alegria pela conquista de um trabalho fora do lar e a sensação de se tornar independente, muitas vezes as mulheres acabam se descuidando dos seu afazeres e obrigações de mãe e esposa.

            Hoje, a tendência é buscar a harmonia entre as tarefas doméstica e profissional.  Aliás, essa tendência está acontecendo também entre os homens.  Assim como não é justo negar à mulher a oportunidade de se realizar profissionalmente e de oferecer sua contribuição nas mais diversas áreas, também não é justo que os homens deixem de participar das tarefas do lar e nas atividades que envolvem a educação dos filhos.

            O “Dia Internacional da Mulher” é um marco nessa busca de reconhecimento e valorização da mulher.

            Em casa ou no trabalho externo, nas atividades caracteristicamente femininas ou cooperando com os homens, as mulheres desempenham importantes funções e merecem, por isso, todo nosso respeito e aplauso.

Adicionar comentário

Cuidado com os termos para não ser banido.


Código de segurança
Atualizar

3º RGD 3 e 4 Fev/18 

Auriflama-SP 03 e 04 Fevereiro 2018
7
7
2
2

Usuários Online 

Temos 89 visitantes e Nenhum membro online

Login 

Bem Vindo ao Distrito LC-6!

Distrito LC-6

Visitantes

899603
Hoje
Ontem
Esta Semana
Última Semana
Este Mês
Último Mês
Total
2701
843
6822
807052
38296
64512
899603

Seu IP: 54.225.16.10
22-11-2017 22:13

Curtir No FaceBook 

Scroll to top