Instrução Leonística e LEOística

(Os termos Leonísticos se aplicam para o LEOímo)

Idoneidade moral e boa reputação em sua comunidade

O Artigo VIII, Seção 2, do Estatuto Internacional de Lions Clube trata sobre a ELEGIBILIDADE PARA AFILIAÇÃO A CLUBES e apresenta o seguinte texto: “Apenas as pessoas maiores de idade e de reconhecida idoneidade moral e reputação em suas comunidades poderão ser associadas de um Lions clube devidamente constituído. A afiliação deve ser feita apenas por convite.”

Porem muitos companheiros possuem duvidas sobre o real significado destes termos e quais providencias devem ser tomadas caso estes requisitos sejam quebrados depois do companheiro já estar empossado.

Lions internacional, ciente destas duvidas e varias outras emitiu uma serie de interpretações estatutárias, dentro do Capitulo XV de ASSUNTOS JURÍDICOS, para facilitar o entendimento da maioria dos associados e a interpretação dessa frase é um desses tópicos.

A interpretação de Lions Internacional é de que “se um atual ou potencial associado do Lions se declarar culpado ou for considerado culpado por um tribunal de justiça por um crime de torpeza moral, ele/ela não satisfaz os critérios de bom caráter moral e boa reputação na sua.”

O termo "torpeza moral" deve ser definido de acordo com as leis da jurisdição, por exemplo no Brasil, um crime de torpeza moral é um crime com motivação repugnante, objeto, vil, que demonstra sinal de depravação do agente, onde este não enxerga valores morais, éticos e sociais. Geralmente são crimes impulsionados pela ganância ou pela ambição desmedida, segundo o advogado Filipe Nunes.

Se um atual ou potencial associado do Lions se declarar culpado ou for considerado culpado por um tribunal de justiça por um crime de torpeza moral, ele/ela deve ser removido como associado do seu Lions clube.

No caso de um atual ou potencial associado do Lions for formalmente acusado ou indiciado por um tribunal de justiça por um crime de torpeza moral, ele/ela até o momento em que uma decisão final e vinculante seja tomada sobre o assunto e o associado for inocentado de todas as acusações, deve em tal circunstância, o associado ser removido como um associado de seu Lions clube até que seja inocentado de todas as acusações de um crime de torpeza moral.

Se um indivíduo cumpriu os termos da sua convicção, não estiver mais sob quaisquer restrições resultantes de uma convicção por crime de torpeza moral e quitado sua divida perante a comunidade e à justiça, ele poderá ser convidado a tornar-se associado de um Lions clube, se o clube determinar que o indivíduo demonstrou suficientemente ter recuperado seu bom caráter moral e boa reputação na sua comunidade.

Contudo, o caso excepcional de ser necessário tomar medidas imediatas a fim de evitar danos aos associados da associação ou ao público, ou para preservar a imagem da associação, o Comitê de Estatuto e Regulamentos Internacionais e a Diretoria Internacional são autorizados a analisar o quadro associativo do Lions clube e a tomar todas as medidas cabíveis.

CLEO/CL Rodolpho Gonçalves da Silva
Assessor de Assuntos Leonísticos do DM LEO LC
Associado do LEO e Lions Clube de Potirendaba

Adicionar comentário

Cuidado com os termos para não ser banido.


Código de segurança
Atualizar

Convenção DMLC 

XIX Convenção DMLC Buzios - RJ.
9
9
0
0
6
6
4
4
5
5
0
0
7
7

Usuários Online 

Temos 36 visitantes e Nenhum membro online

Login 

Bem Vindo ao Distrito LC-6!

Distrito LC-6

Visitantes

1339412
Hoje
Ontem
Esta Semana
Última Semana
Este Mês
Último Mês
Total
51
3839
4555
1245368
45516
79044
1339412

Seu IP: 54.158.194.80
22-05-2018 01:14

Curtir No FaceBook 

Scroll to top