Imprimir
 

Associação Internacional de Lions Clubes – DMLC – Ano Leonístico 2020/2021

GOVERNADORIA DO DISTRITO LC-6

Rua São José, 2261 – Jardim Sumaré – CEP 14025-180 – Ribeirão Preto - SP

 

CARTA MENSAL DE DEZEMBRO da

Coordenadoria Geral do Distrito LC-6

                                                  Ribeirão Preto, 01 de dezembro de 2020

                                                    

 Destinatários: PRESIDENTES DE CLUBES DO DISTRITO LC-6

 

“Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho. Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas.” (Machado de Assis)

 

MENSAGEM DO GOVERNADOR:

Querido Distrito LC-6.

Estamos chegando ao final de um ano atípico no mundo todo. Já o vivenciamos praticamente durante o transcorrer dos meses de março a dezembro de 2020, onde a pandemia continua causando enormes perdas de pessoas queridas entre todos nós. Muitos amigos e parentes perdemos nessa correria louca que tivemos e ainda estamos tendo, e só Deus sabe o que ainda teremos que passar.

Sobre o que havíamos planejado, precisamos nos adequar e de forma diferente das quais nunca havíamos atravessado. Estamos em nossas orações rogando que tudo termine logo que possível e que, brevemente, possamos nos encontrar presencialmente.

Da parte da Governadoria do LC-6 só temos que agradecer tudo que o Distrito tem feito para, de certa forma, mostrar que estamos atendendo ao “Nós Servimos”.

Parabenizamos todos vocês pelo apoio que estamos recebendo e agora, com nossas visitas oficiais acontecendo, estamos sentindo o calor e a amizade que muito nos envaidece. Perdemos muito tempo e sentimos não termos podido realizar muito mais.

Fim de ano...

Um novo caminho no ano que irá se iniciar!

As bênçãos de Deus a cada um de vocês que tiveram forças para superar essa pandemia que não tem data e nem fim para terminar.   Agradeço e peço que continuem o trabalho, pois muitos ainda esperam e necessitam de nós.

Desejamos afirmar que, dentro do possível, também estamos realizando os trabalhos que foram comprometidos. Lembramos que, neste mês, teremos até o dia 31 de dezembro para quitar a taxa internacional. Conforme já relatamos na carta mensal do mês anterior, não deixem esse pagamento para o último dia. Se possível, fazer o recolhimento até o próximo dia 22.

Deixamos aqui um forte abraço a todos e uma excelente virada de ano. Que 2021 venha todo modificado, com muitas realizações para todos nós e para nossas famílias.

Com muito carinho,

           

DG MJF Antonio Paulo Caliento, Governador do Distrito LC-6

 

EDITORIAL:

Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver a vida, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.

Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história. É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma e agradecer a cada manhã pelo milagre da vida.

Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem de ouvir um “não”. É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.

Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples que mora em cada um de nós. É ter maturidade para falar “eu errei”. É ter ousadia para dizer “me perdoe”. E ter sensibilidade para expressar “eu preciso de você”. É ter capacidade para dizer “eu te amo”.

Desejamos que a vida se torne um canteiro de oportunidades para você ser feliz.

E, quando você errar o caminho, recomece tudo de novo, pois assim você será cada vez mais apaixonado pela vida.

E descobrir que... Ser feliz não é ter uma vida perfeita. Mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância. Usar as perdas para refinar a paciência. Usar as falhas para esculpir a serenidade. Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.

Jamais desista de si mesmo!!! Jamais desista das pessoas que você ama. Jamais desista de ser feliz, pois a vida é um espetáculo imperdível. E você é um ser humano especial!

A você e sua família, estimado Companheiro Leão, dulcíssima Companheira Leão, Domadora e Leo, um feliz NATAL e um ANO NOVO cheio de felicidades.

 

PDG MJF Antonio Domingos Andriani, Coordenador Geral do Distrito LC-6

 

É TEMPO DE NATAL! É TEMPO DE ANO NOVO!

 

É tempo para ser vivido e comemorado não apenas em um dia. Não apenas em um final de ano. Mas que seja almejado, sonhado e vivenciado a cada instante da nossa existência.

Apesar dos percalços dos tempos atuais, em que pesem as incertezas do mundo que as pessoas transformaram, ainda precisamos confiar em Deus e nos lembrar daqueles que nos honram com o calor da sua amizade.

Feliz Natal! Um Ano Novo sempre melhor! São os votos de Daisy e Antonio Paulo Caliento, casal Governador 2020/2021, e toda equipe administrativa e técnica do nosso Distrito LC-6 aos nossos estimados Companheiros, Companheiras, Domadoras e Leos.

 

 “O LEONISMO DOS MEUS SONHOS”:

 

Lemos, há algum tempo, a instrução leonística abaixo transcrita. Está em nosso arquivo, mas, infelizmente, não conseguimos identificar o autor. Mesmo assim, gostaríamos de repartir com vocês o prazer da sua leitura. Meditem sobre ela...

 

“O leonismo dos meus sonhos tem no companheirismo seu principal ponto de sustentação. As pessoas não competem exageradamente entre si para ocupar posições: avançam naturalmente com amplo apoio. As disputas, quando ocorrem, são de alto nível e com sincero respeito mútuo. O vencido se transforma no principal colaborador do vencedor e aguarda uma nova oportunidade que por certo surgirá.

No leonismo dos meus sonhos as reuniões são animadas e estimulantes. Começam na hora certa, com a envolvente mística do leonísmo. A Invocação a Deus é feita com fervor, a primeira estrofe e estribilho do Hino à Bandeira são cantadas por um coro pleno de entusiasmo.

No leonismo dos meus sonhos a assembleia geral, que foi previamente bem planejada, transcorre de maneira dinâmica, obedecendo uma ordem do dia balanceada, com tempo para cada assunto, de modo que terminará dentro de um tempo razoável. A instrução leonística foi proferida por um Companheiro mais experiente, muitas vezes um convidado especial.

No leonismo dos meus sonhos nossas festivas são compartilhadas por Companheiros e Domadoras de outros clubes que vem retribuir as visitas que lhes fizemos, pois o relacionamento entre os Clubes é excelente.

No leonismo dos meus sonhos a frequência é sempre alta, pois ninguém quer perder a oportunidade de se encontrar com as melhores pessoas que conhece e participar do planejamento e execução de atividades à altura do talento, capacidade profissional e movimentação do grupo.

No leonismo dos meus sonhos as reuniões do Comitê Assessor (hoje Comitê Consultivo do Governador) são produtivas e não uma oportunidade para dirigentes mal formados contarem vantagens, mentiras ou sonegarem informações sobre experiências bem sucedidas. Os seminários são concorridos. As Convenções nem se fala: são imprescindíveis e têm sempre gente nova participando, com plenárias lotadas e o turismo em segundo plano, mas também muito bem aproveitado.

No leonismo dos meus sonhos as melhores pessoas da sociedade desejam sinceramente ser convidadas a ingressar no movimento e aguardam com vivo interesse uma oportunidade para se juntarem a nós. Toda a comunidade nos admira, respeita e apoia pois nossas iniciativas são o fruto de pesquisas bem elaboradas e representam as aspirações dos moradores. As autoridades, em todos os níveis, apreciam como nosso apoio desinteressado, nos recebem respeitosamente, nos convocam para auscultar nossa opinião sobre vários problemas comunitários e comparecem com prazer às nossas assembleias sempre que convidados.

No leonismo dos meus sonhos realizamos, pelo menos uma vez por ano, grandes atividades conjuntas, com amplo apoio da mídia.

No leonismo dos meus sonhos a gente não tem vontade de acordar, pois tudo que sonhamos seria fácil de acontecer na realidade, bastando que déssemos as mãos num relacionamento de irmãos de ideal, empenhados na construção de um mundo se não melhor, pelo menos mais solidário e fraterno.”

 

Gostaram? Nós também gostamos!

 

 

A ORIGEM DO NOSSO DISTRITO LC-6:

 

A genealogia de uma instituição raramente é analisada ou estudada por seus associados. No leonismo acontece o mesmo!

Qual de nós já se predispôs a analisar as raízes que deram origem ao LC-6 depois que o leonismo chegou ao Brasil? De onde viemos?

 

O LC-6 nasceu e é uma ramificação do Distrito Provisório criado no Brasil por Lions Internacional em 1952. Para chegarmos até onde estamos hoje, passamos por uma série de desmembramentos, como pode ser observado pelo quadro que apresentamos abaixo:

 

Ano Leonístico           Nome do Distrito                  Governador da época
1952/1953                  L-Brasil (provisório) (*)         Armando Fajardo
1953/1954                  L-Brasil                                   Armando Fajardo
1954/1955                  L-Brasil                                   Paulo Pereira Inácio
1955/1956 (a)           L-Sul                                       Noel Lobo Guimarães
1956/1957 (b)           L-Sul-Centro                          Marcus Smith
1956/1957 (b)           L-Centro                                Cid Navajas
1957/1958                  L-Centro                                Nestor de Oliveira
1958/1959                  L-Centro                                Carlos Schaefer
1959/1960 (c)            L-Centro-1                             Sylvio Casavia
1960/1961                  L-Centro-1                             Luiz Lorenzani
1961/1962 (d)           L-5                                          Lívio Thomaz Pereira
62/63 a 67/68            Permaneceu L-5
1968/1969 (e)           L-17                                        Eladio Arroyo Martins
69/79 a 98/99            Permaneceu L-17
1999/2000 (f)            LC-6                                        Luiz Carlos Dias
2000/01 até hoje       Permanece LC-6

Legendas:

(*) – Governador nomeado por Lions Internacional para o período maio-junho/1953.

(a) – Divisão do Distrito L-Sul em Distrito L-Sul e Distrito L-Centro.

(b) – Divisão do Distrito L-Sul, a partir de outubro de 1957, em Distrito L-Sul e Distrito L-Centro. O Governador do Distrito L-Sul permaneceu na condição de Governador do Distrito, tendo sido nomeado por Lions Internacional o Governador do Distrito L-Centro a partir de outubro de 1957.

(c) – Divisão do Distrito L-Centro em Distrito L-Centro-1 e Distrito L-Centro-2.

(d) – Remanejamento do Distrito Múltiplo L, sendo constituídos 8 Distritos. Início de nova designação (Distritos L-1, L-2, L-3, L-4, L-5, L-6, L-7 e L-8).

(f) – Criado face ao redistritamento criado em 1999.

Como se observa, o nosso atual Distrito LC-6 já teve as seguintes designações: Distrito L-Brasil (provisório), Distrito L-Brasil, Distrito L-Sul, Distrito L-Sul-Centro, Distrito L-Centro, Distrito L-Centro-1, Distrito L-5, Distrito L-17 e finalmente Distrito LC-6.

Se conseguimos esclarecer os estimados Companheiros, Companheiras e Domadoras que ainda não estavam cientes dessa nossa genealogia, sentimo-nos plenamente recompensados.

 

A LIDERANÇA NO LEONISMO:

 

Melvin Jones, dentro da sua sabedoria, nos deixou a seguinte frase: “Poucas vezes, no decorrer da vida rotineira, surgem oportunidades para exercer a liderança dentro do grupo. Tal ensejo, porém. É oferecido aos associados dos Lions Clubes.”

Uma frase que continua mais verdadeira do que nunca!

Quem ingressa nas fileiras do leonismo deixa de ser um mero observador e torna-se parte integrante de uma equipe de líderes que está presente em quase todas as partes do mundo.

Quando uma pessoa de boa reputação e idoneidade é convidada para ingressar no movimento leonístico, com certeza seu padrinho identificou nela um líder no seu círculo social e de amizade.

Por isso, devemos aceitar a liderança em toda sua plenitude, quer estejamos ocupando cargo na Diretoria do Clube, no Distrito ou como membro de uma Comissão de atividades.

O que é exercer a liderança?

- É ser criativo e audacioso nas ideias;

- É aceitar e cumprir as tarefas que lhe são confiadas;

- É descobrir e dar vazão às lideranças emergentes;

- É ter interesse pela causa leonística;

- É aceitar a decisão da maioria;

- É colaborar com todos os Companheiros, Companheiras, Domadoras e Leos;

- É integrar o time dos otimistas;

- É cultivar a lealdade e a humildade;

- É adotar o leonismo como uma filosofia de vida.

 

O Lions Clube nos oferece grandes oportunidades para desenvolvermos nosso potencial de líder e nossas qualidades profissionais e de dirigentes.

Para que possamos desenvolver ao máximo o potencial de liderança sugerimos:

- Familiarizar-se com o leonismo através de leitura e participação em cursos, palestras e seminários.

- Aceitar as missões e cargos que lhe forem confiados.

- Participar ativamente dos programas e atividades do Clube.

- Desempenhar suas missões da melhor forma possível.

- Apresentar-se voluntariamente para assumir outras funções no Clube, com vistas a colaborar com seu Presidente.

- Assistir e participar de todas as reuniões do Clube.

- Absorver a experiência transmitida por outras lideranças.

- Jamais ser omisso no exercício da liderança.

 

A liderança leonística deve ser iniciada no Clube, passando pelo Distrito e pelo Distrito Múltiplo. Em cada uma dessas etapas abrem-se novos horizontes, cultivam-se novas amizades e conquistam-se outros conhecimentos.

Isso é um pequeno resumo para se afirmar que Lions pode e deve ser um time de líderes.

 

“ASSOCIADO DO LIONS” E “LEÃO ASSOCIADO”:

 

Existe uma diferença fundamental entre “Associado do Lions” e “Leão Associado”.

Enquanto o “Leão Associado” pensa que um sonho, apenas um, é muito para ele, o “Associado do Lions” pergunta o que precisa fazer para poder realizar aquele sonho.

O “Leão Associado” pensa sempre que uma meta não foi feita para ele. O “Associado do Lions” pensa na virtude que precisa desenvolver para conseguir atingir aquela meta.

O “Associado do Lions” mantém aceso o fogo sagrado do leonismo em seu coração, pois ele sabe que esse fogo sagrado é a seiva que alimenta a prestação do seu serviço desinteressado.

O “Associado do Lions” é um LEÃO VERDADEIRO.

E o LEÃO VERDADEIRO precisa sonhar. Sonhar e realizar. Realizar as coisas boas que estão a sua disposição e deixadas pelo legado do serviço desinteressado.

 

HISTÓRICO RESUMIDO DA CRIAÇÃO DO LEO CLUBE:

 

Em 1957 Jim Graver era o treinador do time de basebol da Abington High School, na Pensilvânia, Estados Unidos.

Era também associado ativo do Lions Clube de Glenside, na Pensilvânia.

Juntamente com seu Companheiro Leão Willian Ernst, Jim Graver falava em iniciar um clube de serviço para estudantes do ginásio. Eles então pediram apoio dos Leões do seu Clube. Sem hesitar, o Lions Clube de Glenside concordou que um grupo de jovens Leões seria uma boa idéia. Garver e Ernst começaram a trabalhar.

Eles precisavam de um núcleo, um grupo de jovens com o qual começar. Convenceram o filho de Jim a comparecer na primeira reunião, acompanhado de todo seu time de basebol. Nove rapazes do primeiro, segundo e terceiro anos se juntaram ao grupo de 26 jogadores de basebol. Juntos, os 35 adolescentes formaram um Clube.

Em 05 de dezembro de 1957 o Lions Clube de Glenside concedeu uma Carta Constitutiva ao Leo Clube de Abington Hight School, cujos associados eram, em sua maioria, do time de basebol daquela escola.

Como primeiro Leo Clube do mundo, o grupo criou o acrônimo LEO-Liderança, Igualdade (mais tarde alterado para Experiência) e Oportunidade. E o grupo escolheu também as cores vermelho escuro e dourado (que eram as cores da sua escola) como as cores do Leo Clube.

Em outubro de 1967 a diretoria de Lions Internacional adotou o “Programa Leo Clube” como um programa oficial da Associação.

Aberto a ambos os sexos, o objetivo do “Programa Leo Clube” era, e ainda é, “oferecer aos jovens do mundo uma oportunidade de desenvolvimento e contribuição individual e coletiva, como membros responsáveis da comunidade local, nacional e internacional.”

O lema do Leo Clube é LIDERANÇA, EXPERIÊNCIA, OPORTUNIDADE.

 

 

O LIONS, OS NOVOS TEMPOS E A PARTICIPAÇÃO COMUNITÁRIA:

 

Com o passar do tempo existe a inevitável mudança dos costumes e alteração das leis. São os novos tempos se apresentando com a consequência da sua mutabilidade.

A Constituição Federal de 1988, desde a sua aprovação, trouxe a consagração de novos hábitos, que paulatinamente foram implantados nas comunidades. Um dos princípios aventados é que as decisões, tanto quanto possível, devem ser tomadas no âmbito dos municípios e com a ativa participação dos cidadãos, através das Associações de Moradores e de Bairros, entidades classistas e escolares, além de outros segmentos organizados.

Aconteceu nas comunidades a implantação progressiva dos Conselhos Municipais, o que tem possibilitado, de forma democrática, que as aspirações da população sejam levadas ao fórum adequado de debates, possibilitando que os recursos públicos e os fundos específicos recebam a destinação mais adequada e a sua aplicação seja fiscalizada pela população.

E nós, do Lions, como membros ativos de uma Associação que tem como objetivo a prestação de serviços à comunidade, temos o dever de nos envolver com essa adaptação aos novos tempos (já não tão novos assim, pois a Constituição é de 1988).

Precisamos nos interessar e incluir Companheiros Leão, Companheiras Leão e Domadoras como membros dos Conselhos Municipais que forem criados e implantados nas comunidades. Se a nomeação dos membros desses Conselhos for por indicação, os Clubes devem manifestar o desejo de participação junto aos dirigentes municipais envolvidos. Se for através de eleição, CCLL, CCaLL e DDMM devem mobilizar-se e envolver-se no pleito com entusiasmo. Neste caso, e como atividade leonística, pode ainda haver o envolvimento na campanha de divulgação da eleição perante as demais entidades interessadas. É, indiscutivelmente, uma forma de participar e demonstrar interesse.

Importante nisso tudo é a participação do Lions nos Conselhos Municipais, a fim de nos envolvermos nas decisões que dizem respeito ao interesse das comunidades. É o nosso servir com participação!

A sugestão está dada! Com a palavra os nossos dirigentes clubísticos!

 

DATAS RESERVADAS NA AGENDA DO GOVERNADOR, ATÉ HOJE:

04/12/2020 (sex) - Lions Clube de Votuporanga

05/12/2020 (sab) – Reservado para o Governador

23/01/2021 a 31/01/2021 – Reservado para o Governador

07/02/2021 (dom) – Reservado para o Governador

09/02/2021 (ter) – Lions Clube de Brodowski

12/02/2021 (sex) – Lions Clubes de Franca e Pedregulho-Us.de Estreito (6 Clubes)

13/02/2021 (sab) – Lions Clube de Altinópolis

19/02/2021 (sex) - Reservado para o Governador

20/02/2021 (sab) – Reunião do CEG e 3.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital

21/02/2021 (dom) – 3.ª Reunião do Comitê do Gabinete Distrital

23/02/2021 (ter) – Lions Clubes de Sertãozinho (2 Clubes)

26/02/2021 (sex) – Lions Clube de Miguelópolis

02/03/2021 (ter) – Lions Clube de Passos

03/03/2021 (qua) – Reservado

04/03/2021 (qui) 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Preto/SP

05/03/2021 (sex) 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Preto/SP

06/03/2021 (sab) 2.ª RCG do Distrito Múltiplo LC – Ribeirão Preto/SP

07/03/2021 (dom) – Encerramento da 2.ª RCG do DMLC – Ribeirão Preto/SP

12/03/2021 (sex) – Lions Clubes de Ribeirão Preto (4 Clubes)

13/03/2021 (sab) – Reservado

18/03/2021 (qui) – Lions Clube de Auriflama

19/03/2021 (sex) – Lions Clube de Palmeira D’Oeste

20/03/2021 (sab) – Lions Clubes de Guaíra (2 Clubes)

25/03/2021 (qui) - Lions Clube de Potirendaba

26/03/2021 (sex) – Lions Clube de Cravinhos

03/04/2021 (sab) – Lions Clube de Orlândia

09/04/2021 (sex) – Lions Clube de Jaboticabal

10/04/2021 (sab) – Lions Clube de Taquaritinga

14/04/2021 (qua) – Lions Clubes de Fernandópolis (2 Clubes)

15/04/2021 (qui) – Lions Clube de Nhandeara

16/04/2021 (SEX) - Reservado

17/04/2021 (sab) – Lions Clube de Barretos

20/04/2021 (ter) – Lions Clube de Ituverava

22/04/2021 (qui) – Lions Clube de Igarapava

23/04/2021 (sex) – Reservado

24/04/2021 (sab) – Reunião do CEG e 22.ª Convenção Distrital do LC-6

25/04/2021 (dom) – 22.ª Convenção Distrital do LC-6

Após a Convenção Distrital o casal Governador do Distrito não participará de visitas oficiais aos Clubes. O período fica reservado para preparativos do encerramento da gestão, Convenções do Distrito Múltiplo e Lions Internacional, além de outras atividades administrativas pertinentes.

 

A QUESTÃO DA VISITA OFICIAL DO CASAL GOVERNADOR AOS CLUBES:

 

Desde o início da gestão 2020/2021, e dentro das atribuições do nosso cargo de Coordenador Geral do Distrito LC-6, temos procurado, com as nossas limitações, assessorar o DG Governador da melhor forma possível, para que ele possa cumprir suas metas e ações previstas para este ano leonístico.

Uma dessas ações é a coordenação que diz respeito ao agendamento das visitas do casal Governador aos Clubes do Distrito.

Encarecemos, e alguns vezes até insistimos, para que os Clubes, apesar do cenário pandêmico que ainda estamos vivenciando, agendassem essas visitas. Em nossos pedidos e encaminhamentos sempre recomendamos que, aqueles que oficializaram as visitas, tomassem as cautelas necessárias e observassem sempre as recomendações das autoridades sanitárias, como ambiente arejado, distanciamento social, uso de máscaras, manutenção de álcool em gel à disposição, entre outros. Chegamos a reiterar para que os Clubes analisassem a oportunidade do referido agendamento.

Infelizmente nosso posicionamento não foi entendido por alguns poucos. Uma CaL que prezamos muito chegou a escrever que estávamos sendo “autoritário”. Aqueles que nos conhecem sabem que essa pecha não é verdadeira.

Diante da situação, e para evitar qualquer outro desgaste maior, o DG MJF Antonio Paulo Caliento determinou as seguintes providências:

1)A partir desta data, esta Coordenadoria não fará mais qualquer contato ou tratativa junto aos Clubes para agendamento das visitas do casal Governador.

 2)Cinco Clubes já receberam a visita oficial do casal Governador: São Sebastião do Paraíso, Novo Horizonte, São Joaquim da Barra, Nhandeara-Aliança e Poloni, O casal Governador agradece o carinho e atenção com que foi recebido nessas nossas unidades.

 3)Outros 32 Clubes do Distrito já agendaram a visita, conforme pode ser observado no calendário que estamos divulgando com esta Carta Mensal. O DG Caliento está confirmando oficialmente essas visitas.

 4)Para os demais 29 Clubes que ainda não agendaram a visita oficial do casal Governador, o DG Caliento determinou as seguintes providências: a) em data e hora que serão marcadas oportunamente, o Governador agendará reunião virtual com os diretores e associados desses Clubes; b) durante a reunião, o Governador anunciará que a mesma está servindo como visita oficial aos Clubes.

 5)Depois da reunião virtual comentada no item acima, o Governador fará a devida comunicação a Lions Internacional, relacionando os Clubes envolvidos e declarando que a reunião virtual serviu de sua visita oficial aos mesmos. Esta providência será necessária pois a Associação, dentre as atribuições que determina ao Governador para cumprimento durante o ano leonístico, está a realização de pelo menos uma visita oficial aos Clubes do Distrito.

 Fora deste assunto, esta Coordenadoria permanece à inteira disposição dos Clubes para qualquer outra colaboração que se fizer necessária.

 

LUTO NO DISTRITO LC-6:

 

Registramos, com profundo pesar, os seguintes falecimentos durante o último mês de novembro:

Dia 07 – DM Neide França Marangoni, do Lions Clube de Catanduva

Dia 10 – CaL Aparecida Conceição Druzzian Santos, do Lions Clube de Nhandeara

Dia 15 - MJF Osmar Merlin, do Lions Clube de Nhandeara

 

O Governador do Distrito LC-6, DG MJF Antonio Paulo Caliento, face a esses lamentáveis passamentos, editou as Resoluções n.ºs 23-2020/2021, 24-2020/2021 e 25-2020/2021, decretando luto oficial de três dias no território distrital.

 

 MENSAGEM DE LIONS INTERNACIONAL PARA OS SECRETÁRIOS DE CLUBES:

 

A equipe de Administração de Distritos e Clubes da Associação Internacional de Lions Clubes está enviando a seguinte mensagem aos Secretarios(as) dos Clubes:

 “Uma das suas tarefas mais importantes como secretário(a) de Clube é a de manter a lista de associados do clube precisa. O MyLCI ou o sistema de relatórios da sua Região serve como o principal recurso para garantir que a lista de associados do clube esteja sempre correta e que as informações de contato de cada associado estejam atualizadas. Recomendamos que faça o login todo mês para manter as informações do clube em dia.

Ao manter a listagem de associados do clube, você está protegendo o clube e garantindo que ele não seja cobrado por associados que não estejam mais ativos nele. Com isso garantimos também que os associados recebam todos os benefícios de ser Leão.

Se você tiver alguma dúvida sobre como acessar o MyLCI entre em contato com a equipe do MyLCI pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou pelo telefone (630) 468-6900.

Esperamos dar o maior apoio a você e ao seu clube neste ano. Entre em contato conosco, se tiver dúvidas, pelo telefone (630) 468-6859 ou pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .”

Com a palavra os estimados Companheiros Leão e dulcíssimas Companheiras Leão Secretários e Secretárias dos Clubes do Distrito LC-6.

 

CALENDÁRIO CÍVICO DE DEZEMBRO:

08 – Dia Nacional da Família

08 – Dia da Justiça

10 – Declaração Universal dos Direitos Humanos

16 – Dia do Reservista

21 – Início do Verão

25 – Dia de Natal

 

08 DE DEZEMBRO – DIA NACIONAL DA FAMILIA:

 

Da solidez da família depende a constituição da sociedade. Portanto, quando mais sólida a família mais firme será a segurança do país.

A constituição da família variou através dos tempos e conforme o costume dos países. Aqui no Brasil, há tempos, a família padrão era patriarcal, ou seja, os familiares gravitavam em torno do chefe da família. A ele competia a manutenção dos dependentes, pagamento da instrução e outros serviços. Naturalmente, esse sistema aplicava-se aos chefes de família mais favorecidos. Quanto aos menos favorecidos, necessitavam da ajuda financeira dos familiares, em geral os filhos. Porém, mesmo nesta circunstância, os dependentes lhe prestavam inteira obediência, cabendo aos mesmos resolver os destinos da família.

Hoje, a situação é completamente diferente. A evolução do mercado de consumo, aumento das instituições de estudo. E outras circunstâncias como o desejo de maior independência, tiraram do chefe de família a antiga posição patriarcal. Esse fenômeno ocorreu praticamente em todo o mundo. A mulher, por merecimento e justiça, equipara-se ao homem na administração do lar.

Tais modificações vieram ao encontro da necessidade de aumentar-se substancialmente a receita “per capita”, exigindo a contribuição financeira dos dependentes. A implantação dessa modificação substancial veio para melhor. Criou na família uma nova mentalidade, pois exige a contribuição e a responsabilidade de todos, resultando num melhor preparo para a vida.

 

08 DE DEZEMBRO – DIA DA JUSTIÇA:

 

A sociedade humana é uma instituição complexa. Muitas instituições são necessárias para que haja disciplina, para que a coletividade possa trabalhar continuamente num clima de segurança.

O ideal seria que todos os seres humanos fossem bem intencionados e que soubessem respeitar a si próprios, pois, assim, respeitariam também os demais. Mas diversos fatores não permitem que seja desse modo. Sempre há alguém que, apesar de viver dentro da sociedade, subsistindo graças ao meio que ele oferece, comete um ato ao equilíbrio social. Em consequência, deve ser punido. E não poderia ser de outra forma, pois sem essa barreira haveria um transbordamento de maus instintos, que acabaria por causar caos social. Mas o julgamento sumário de quem desobedecesse os ditames da lei seria perigoso, porquanto estamos sujeitos a errar, o que seria mais fácil sob o impulso da raiva ou da vingança. É para evitar a punição excessiva, ou que o inocente pague pelo culpado (se bem que no Brasil que estamos vivenciando isso nem sempre está acontecendo).

A aplicação da Justiça deve ser entregues a pessoas devidamente preparadas para esse mister, aptas a promover um julgamento imparcial, para o que não podem se deixar inclinar aos seus sentimentos. Todo cidadão responsável deve lutar pela preservação da Justiça.

 

10 DE DEZEMBRO – DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS:

 

Acreditava-se, até que ocorresse a II Guerra Mundial, que as barbaridades cometidas tantas e tantas vezes contra a humanidade não mais pudessem se repetir nos tempos posteriores. Mas se repetiram! Não se tratava de mortandade em combate, dos soldados e dos civis sob ataque de tropas e aviões. Isso, embora seja deplorável para nossa civilização, é considerada consequência normal de guerra.   Sobre esses fatos as piores barbaridades e atrocidades foram cometidas pelos alemães, friamente, contra prisioneisos, especialmente judeus. Torturas as mais cruéis e a morte em câmaras de gás e por outros meios eram praticadas quantidades de pessoas nos campos de concentração. Após o término do conflito, o mundo assistiu estarrecido às cenas aviltantes que registravam o que havia sido praticado nesses campos.

Numa tentativa de preservar a integridade do ser humano contra o desrespeito e a crueldade dos tiranos, a ONU-Organização das Nações Unidas consagrou, em 10 de dezembro de 1948, o “Dia da Declaração Universal dos Direitos Humanos”.

É uma lembrança de que todos têm o mesmo direito de igualdade. É a garantia do indivíduo à Justiça, cujo sentimento deve estar presente em todos e em todas as circunstâncias. Ninguém deve usar de sua posição para humilhar e prejudicar o mais próximo. Quem quiser ser respeitado deve, em princípio, respeitar os outros (hoje, infelizmente, como se têm notícia, ainda existem algumas exceções com relação a aplicabilidade desses princípios, pelo menos na opinião deste Coordenador Geral do LC-6).

 

 16 DE DEZEMBRO – DIA DO RESERVISTA:

 

A 16 de dezembro de 1865 nascia Olavo Bilac (Olavo Brás Martins dos Guimarães Bilac). Faleceu em 28 de dezembro de 1918. Além de um grande poeta, foi um batalhador para que se organizasse a segurança nacional. Empenhou-se dedicadamente para a instituição do Serviço Militar obrigatório e, por esse motivo, sua data natalícia foi escolhida para comemoração do “Dia do Reservista”.

Com o objetivo de assegurar a defesa da Pátria os jovens brasileiros são treinados militarmente. Reassumindo a vida civil, constituem numeroso exército em potencial, pois várias são as gerações aptas à reconvocação.

Somos um povo de paz! Temos um grande país e não ambicionamos as terras dos outros. Nosso objetivo é o progresso, e sabemos que somente através da tranquilidade poderemos alcança-lo. Porém, é necessário garantir essa tranquilidade. Precisamos contar com a pronta convocação das nossas forças defensivas se nossa segurança sentir-se ameaçada. Só assim podemos dedicar-nos ao nosso labor sem a preocupação da expectativa de interferências prejudiciais. Portanto, é reconfortante sentirmo-nos protegidos. Sabemos que cada reservista poderá ser engajado com rapidez nos contingentes que garantirão a nossa integridade.

Este dia, além de uma justa homenagem aos reservistas, permanentes defensores da Pátria, é uma oportunidade para eles rememorarem os ensinamentos recebidos.

 

21 DE DEZEMBRO – INÍCIO DO VERÃO:

 

No hemisfério sul o verão vai de 21 de dezembro a 21 de março. O verão brasileiro é muito convidativo para passeios às praias, ao campo e às montanhas. O campo, principalmente, atinge o máximo da sua exuberância nos meses de calor. Em virtude do nosso clima tropical, chove bastante durante o verão. Havendo abundância de água e de sol, a vegetação espontânea cresce rapidamente, e as flores silvestres emprestam seu alegre colorido ao verde tranquilizante do campo. Essa mesma exuberância é apresentada pelos produtos agrícolas, porém os agricultores têm seu trabalho aumentado, uma vez que as ervas daninhas e as larvas também se multiplicam de forma acentuada sob a ação do calor. É a ação da natureza se impregnando no trabalho do homem, deixado pelo Criador como a nos dizer que nada acontece por acaso.

A principal festa do verão aqui no Brasil é o Natal. Ao contrário do que acontece no hemisfério norte, onde costume nevar durante o Natal, aqui no Brasil é tempo de muito calor. Isso, naturalmente, torna a festa mais alegre, permitindo que as pessoas se locomovam e se visitem sem as dificuldades que são oencontradas nos lugares onde o frio é intenso (essa locomoção e visitas, hoje, estão restritas pela pandemia da Covid-19).

Por outroo lado, as pessoas que habitam a região tropical devem tomar precauções com a alimentação, que deve ser leve e fresca, bem como redobrar de cuidados em seus divertimentos, especialmente quanto aos banhos de mar. As roupas também devem ser escolhidas com critério. Roupas escuras, pesadas e incômodas são prejudiciais durante o verão.

 

25 DE DEZEMBRO – NATAL:

O dia 25 de dezembro foi consagrado como o dia do nascimento de Jesus Cristo. É alegremente festejado em quase todas as partes do mundo. Jesus simboliza profundamente o espirito da família e da união. É impossível imaginar sua figura sem a presença de Nossa

Senhora e de São José. O espírito de união, Ele pregou-o ao conviver fraternalmente com os Apóstolos, que através Dele conheceram a bondade, a compreensão e o amor. Por isso, o Natal é a festa máxima da cristandade. É quando as famílias se reúnem de um modo especial e o sentimento de afeto faz esquecer as falhas humanas, os ressentimentos. Parece que a humanidade percebe, nesse dia, que a vida é muito breve para ser dissipada com sentimentos inferiores, como o rancor, o orgulho, a vingança, e que se conscientiza de que a oportunidade de estar com a família não será eterna. O tempo, em sua passagem, vai levando os entes queridos e deixando recordações.

A data de 25 de dezembro foi convencionada no sérulo IV. Na Idade Média, o Natal era a primeira e mais importante das festas populares. Dos vários hábitos incorporados aos festejos natalinos, três persistem até hoje: a missa do galo, a árvore-natal e a ceia, considerada esta a ceia da família. Um dos costumes consagrados do Natal é a distribuição de presentes, o que constitui um acontecimento especialmente do agrado das crianças.

Prece a Papai Noel

Meu bom velhinho Papai Noel, faça que eu esqueça a tristeza, a dor e o fel.

Permita que espalhe, por onde for, um raio de alegria, uma côdea de pão, um pouco de amor.

Que eu possa entender o drama da mãe solteira, que, beijando a boneca, sonhou um lar a vida inteira.

Que eu leve o consolo ao doente enjeitado, que sofre a prova de não ser amado.

Que a criança em molambo, sozinha a vagar, encontre também a benção de um lar.

Para aquele que carrega a dor da humilhação, que eu possa ensinar a nobreza do perdão.

Para aquele que expia seu erro numa grade, que eu possa ofertar um gesto de bondade.

À pobre velhinha, triste, andrajosa, que eu tenha para dar ao menos uma rosa.

Sabe Papai Noel, quero olvidar todo o mal para compreender, com Jesus, o que vem a ser o verdadeiro espírito de Natal.

 

 AUTO-AVALIAÇÃO LEONÍSTICA:

 O objetivo deste questionário é o de permitir que você avalie sua atuação no leonismo. Use a escala de 0 a 10 para responder cada quesito.

 QUESITOS:                                                                                   ESCALA (0 a 10)

01. Assiduidade às reuniões do Clube ......................................________________

02.Pontualidade ......................................................................________________

03.Participação nas atividades do Clube ..................................________________

04.Publicação de artigos leonísticos ........................................________________

05.Proferir instruções leonísticas ou palestras ........................________________

06.Assistência a eventos leonísicos de doutrinação ................________________

07.Leitura de matéria leonística com regularidade .................________________

08.Conhecimento do leonísmo no âmbito distrital .................________________

09.Conhecimento do leonismo no âmbito nacional ...............________________

10.Conhecimento do leonísmo no âmbito internacional ........________________

11.Comparecimento âs Reuniões e Convenções .....................________________

12.Realização de visitar inter-Clubes ......................................________________

 

Some os pontos dos doze quetitos e verifique a sua pontuação

 

120 pontos ............    Você é um Leão fantástico e indispensável ao leonismo.

De 100 a 110 .........    Você pode tornar-se indispensável.

De 80 a 90 ............     O leonismo espera muito mais de você;

De 60 a 70 ............     Está na hora de você rever sua atuação.

De 40 a 50 ............     Você está sendo mais associado e menos Leão.

De 20 a 30 ............     Você é apenas associado.

De 0 a 10 ..............     Será que você faz parte do movimento leonístico?

 

Aceite este nosso encaminhamento como uma maneira de contribuir para o envolvimento leonistico que deve continuar abraçando cada um de nós.

          

QUAL O SEU QI EM LEONISMO?:

01. A Associação Internacional envolveu-se com a ONU quando ajudou a estabelecer seções de Organizações Governamentais naquele órgão, e isso ocorreu durante o ano de:

a) 1925

b) 1940

c) 1941

d) 1945

 02. As mulheres passaram a ser admitidas como associadas dos Lions Clubes e partir de:

a) 1985

b) 1986

c) 1987

c) 1990

 03. O “Dia Internacional do Leonismo” é comemorado em:

a) 13 de janeiro

b) 09 de outubro

c) 10 de outubro.

 04. O ano leonístico é iniciado em:

a) 01 de janeiro

b) 01 de junho

c) 01 de julho.

(respostas no final desta Carta Mensal)

 

ALGUNS “PITACOS” LEONÍSTICOS:

01- Depois da fundação do Lions Clube do Rio de Janeiro (Clube Mater do Brasil), seguiram-se as fundações dos Lions Clubes de São Paulo e Salvador.

02– Na formação da mesa dirigente de uma solenidade leonística, ou na sua extensão, dirigentes leonísticos da mesma categoria (Ex-Governadores, por exemplo) não devem, sempre que possível, ser colocados em mesas separadas.

03- Uma Domadora não deve, em hipótese alguma, ser escolhida para leitura do Código de Ética ou dos Propósitos do Lions Clube. Isso é prerrogativa exclusiva de um Companheiro Leão ou de uma Companheira Leão.

04- A falta em uma assembleia ordinária do Clube pode ser compensada pelo associado se ele comparecer a reunião de outro Clube, de uma Comissão ou de Diretoria do próprio Clube, ou outra atividades leonística antes ou depois da reunião à qual ele faltou, dentro do período de 13 dias.

 

PROCURA-SE O “LEÃO-VAGALUME”:

O folclore leonístico já cunhou diversas expressões designativas para Companheiros Leão, tanto para os atuantes (que infelizmente já são minoria) como para aqueles que demonstram menos interesse pelo movimento.

Algumas dessas expressões são conhecidíssimas. No aspecto positivo, conhecemos apenas uma: “Leão de Juba Larga” (aquele que, seja jovem ou mesmo já está com a juba grisalha, está sempre à disposição e é extremamente participante).

Agora, no folclore negativo, a lista é imensa: temos o “Leão da Metro” (que só aparece no começo do filme), o “Leão da Receita” (só vive cobrando os demais), o “Leão Marinho” (só vai levando na onda), o “Sossega Leão” (depois que ouviu a expressão se acomodou para sempre), o “Leão Dentuço” (só vive mordendo), o “Leão Mico-Dourado” (salta de galho em galho e se dá bem em qualquer situação), o “Leão do Circo” (urra, ameaça, dá patada, mas não é de nada), o “Mate-Leão” (já vem queimado e distribui broncas para todos os lados), o “Cama-Leão” (se ajeita de acordo com seus interesses), e outros que não merecem maiores comentários como o “Trapa-Leão” e o “Pente-Leão”.

Entre tantas expressões (em sua maioria desabonadoras), não caberia a criação de algumas mais elogiáveis, especialmente para reforçar o lado positivo da questão? Acreditamos que sim! Que tal, por exemplo, o “Leão Vaga-lume”.

O vaga-lume, como é conhecido aqui em nossa região, tem vários sinônimos. Na maioria do Brasil, pelo que apuramos, é conhecido como pirilampo. Trata-se de um inseto coleóptero, que contém órgãos fosforescentes localizados na parte inferior dos segmentos abdominais. Ou seja, é um ser pequenino, MAS QUE TEM LUZ PRÓPRIA.

O leonismo procura desesperadamente Leões que tenham luz própria! Aqueles que se envolvem e demonstram vontade de servir; que marcam presença em todas as atividades e reuniões; que aceitam e cumprem prazerosamente as tarefas que lhe são confiadas; que são criativos e audaciosos nas ideias; que têm interesse pela causa leonística; que cultivam a lealdade e a amizade; que se unem e familiarizam com o leonismo através de leitura em participações em palestras e seminários; que acreditam que Lions não tem dono; que adotam o Código de Ética como norma de conduta e filosofia de vida.

Cabe a cada um de nós procurar um “Leão Vaga-lume”, arregimentando-o para nosso meio e incentivando-o para que uma sua luz própria à daqueles que ainda sentem arraigado amoro pelo leonismo, a fim de podermos, assim, continuar iluminando o caminho do serviço desinteressado que é o apanágio do nosso movimento.

 

AVALIAÇÃO DO QUE É MAIS IMPORTANTE:

A fábula que reportamos abaixo, condensada, remonta de séculos atrás e teve como palco um reino longínquo. Se as dulcíssimas Companheiras Leão e os estimados Companheiros Leão Presidentes de Clubes se dignarem divulga-la em uma próxima oportunidade, talvez durante uma das assembleias ordinárias do Clube, já que ela tem tudo a ver com o nosso serviço desinteressado, estaremos plenamente recompensados.

O velho monarca, pressentindo o fim próximo, chamou seus súditos e pediu que respondessem a três perguntas. Seria premiado com fortunas e honrarias quem respondesse melhor: 1) qual o lugar mais importante do mundo?; 2) qual a tarefa mais importante do mundo?; 3) quem é a pessoa mais importante do mundo?

Muitas pessoas, de todas as idades e posições sociais, deram suas respostas, mas nenhuma delas satisfez plenamente o velho monarca. Contudo, entre os súditos, havia um velho que não queria responder as perguntas, porque não lhe interessavam os valores oferecidos. Mas, forçado e por insistência do monarca, ele acabou respondendo e o fez da seguinte forma: 1) o lugar mais importante do mundo é onde você está; 2) a tarefa mais importante não é aquela que você desejaria executar, mas aquela que você deve fazer; 3) a pessoa mais importante do mundo é aquela que precisa de você, porque é ela que lhe possibilita exercitar a mais bela das virtudes: a fraternidade.

Feliz, o velho monarca aplaudiu com entusiasmo. Quanta sabedoria em três breves respostas. O lugar onde moro, vivo, cresço, trabalho e atuo (mesmo sendo muitas vezes incompreendido) é o lugar mais importante do mundo. A tarefa mais importante talvez seja a minha e a sua, embora não sejam nada agradáveis e nem bem pagas. Mas, enquanto não propusermos a executá-la, devemos faze-lo sempre com responsabilidade, dedicação e eficiência, buscando assim cumprir nosso sagrado dever. Se nós nos omitirmos, ninguém no mundo vai fazer a tarefa em nosso lugar (e o vazio permanecerá). Tudo passa, envelhece e morre. Só não passa a bondade que você planta e o amor que você reparte. Por isso, o outro é tão importante em nossa existência como membros da família leonística.

 

ATIVIDADES DO HOSPITAL DE OLHOS LIONS DE TAQUARITINGA:

 

O MJF João Donizetti Furtado, Presidente de Olhos Lions “Manoel Dante Buscardi”, que é administrado pelo Lions Clube de Taquaritinga, nos forneceu o seguinte balanço das atividades do último mês de outubro (até hoje o de novembro ainda não foi fechado):

Procedimentos                                                                                        Totais

Tratamento clínico: medicamentos Glaucoma ....................................170

Procedimentos clínicos: consultas e administração medicamentos ....1.487

Procedimentos diagnósticos: exames ................................................2.815

Procedimentos cirúrgicos: cirurgias ...................................................236

  

PERPETUAÇÃO DO NOME DO LIONS NA COMUNIDADE:

O movimento leonístico possui, dentro do seu calendário, datas específicas para diversas efemérides. Assim é que comemoramos o “Dia Mundial do Serviço Leonístico”, o “Dia da Fundação do Clube”, o “Dia do Aniversário da Carta Constitutiva”, o “Mês das Domadoras e das Companheiras Leão”, o “Mês da Revista The Lion”, o “Mês dos Ex-Governadores”, o “Dia Mundial da Posse dos Leões”, entre outros.

Apesar da existência dessas datas notáveis, sentimos ainda, em alguns municípios, uma lacuna em nosso calendário: a instituição de um dia para consagração da família leonística em cada cidade.

Seu município ainda não tem a comemoração do “Dia do Lions na Comunidade”?

Esta é uma atividade que estamos sugerindo aos Clubes, plenamente viável, que não envolve qualquer ônus financeiro, dependendo, para sua consecução, unicamente do serviço e da boa vontade dos estimados Companheiros Leão, Companheiras Leão e Domadoras que tanto enobrecem o nosso Distrito LC-6.

A diretoria de cada Clube, após ouvida sua assembleia, poderá programar uma visita oficial ao Prefeito da cidade, ou mesmo a algum Vereador que tenha simpatia pela nossa causa, expor a ideia e pleitear que seja encaminhado à apreciação e aprovação da Câmara Municipal um projeto de lei instituindo o “Dia do Lions na Comunidade”. Nas cidades onde houver mais de um Clube, o dirigente municipal poderá ser visitado em conjunto pelas respectivas diretorias.

Quando encaminhar o pedido, o Clube poderá sugerir inclusive a data que considerar ideal para a instituição do dia aqui aludido, além de fornecer alguns detalhes necessários à elaboração do projeto de lei, como dados do Clube, do Distrito LC-6, da Associação, dos nossos Código de Etica e Propósitos, entre outros.

A instituição desse dia, a nível local, além de outras homenagens a que o Clube ficará sujeito, seja por parte do poder público, seja por parte de outros segmentos da sociedade, já que será oficialmente decretado no município, servirá igualmente para a programação de uma confraternização anual entre Companheiros Leão, Companheiras Leão, Domadoras, Leos e Juventude Leonística.

Ressalte-se, por fim e oportuno, como fator de realce para nosso movimento, que uma lei nesse sentido integrará definitivamente o Lions Clube na vida da comunidade.

 

“SE UM ESPINHO ME FERE, AFASTO-ME DO ESPINHO... MAS NÃO O DETESTO”:

Quando ingressamos no leonismo – e lá se vão mais de 40 anos – lemos um artigo que era encimado pelo título acima e que até hoje não sai da nossa memória, embora esta, como agora, nos traia e faça com que não recordemos nem do ilustre autor e muito menos da publicação que a divulgou. Mas a clareza e simplicidade do seu texto, que antevemos mesmo muitos anos depois, permitem alguma reflexão sobre as eventuais divergências que são registradas no cotidiano.

Divergências sempre ocorreram, ocorrem e ocorrerão no relacionamento humano, pois são inerentes do dia-a-dia de todos. E raramente isso deixa de acontecer, seja no âmbito familiar, entre amigos ou no ambiente de trabalho.

No meio da família leonístistica tal fato não é exeção, mormente levando-se em conta que Companheiros, Companheiras e Domadoras possuem meio de vida e atividades heterogêneas, tem convicções próprias, e muitos exercem lideranças em suas profissões, o que quer dizer que costumam conduzir e não serem conduzidos.

Dessa forma, quando um não aceita serenamente ou respeita a opinião do outro o relacionamento pode estremecer. Divergências sobre algumas questões leonísticas são absolutamente normais, quer envolvam problemas administrativos ou de atividades. Só que qualquer discussão deve ser mantida em nível elevado, não partindo jamais para o terreno pessoal.

Já ouvimos e até participamos de muitas discussões, algumas homéricas. Quantas vezes uma velha amizade não é estremecida por pura insensatez e culpa recíproca? Basta um Companheiro proferir uma frase infeliz e melindrar outro Companheiro. Este, por sua vez, não se contém e revida o insulto. Pronto, está formada a indesejável contenda!

Outras vezes não há nem necessidade de discussão para que a polêmica seja aquecida. Basta que o procedimento de um Companheiro seja colidente com a posição do outro, mormente quando aquele já conhecia a postura deste. Pronto, o “caldo engrossou” mais uma vez!   Como agir? Simples! Ou aquele primeiro se desculpa ou justifica, ou este último releva a atitude, perdoa e esquece; ou, agindo de acordo com o autor da frase que dá título a este capítulo, afasta-se e não guarda rancores. Fazendo isso, evita que os demais membros da família leonística tomem conhecimento do ocorrido e passem a se envolver na disputa.

A sabedoria do “Código de Ética do Leonismo” (“Ser comedido na crítica e generoso no elogio; construir e não destruir.”) tem, certamente, tudo a ver quando um espinho fere alguém.

 

PROGRAMA LEÃO ORIENTADOR CERTIFICADO:

Nos próximos dias 09 a 11 deste mês será realizado mais um “Programa Leão Orientador Certificado”. As inscrições estão abertas e o formulário está no site oficial do Distrito LC-6.

O programa foi criado por Lions Internacional para dar assistência a Clubes recém-criados, estabelecidos ou designados como prioritários. Os Leões Orientadores são nomeados pelo Governador do Distrito, em consulta com o Presidente do Clube patrocinador ou estabelecido, para um mandato de dois anos. Os Leões Orientadores se limitam se limitam a servir não mais de dois Clubes ao mesmo tempo.

Os Leões Orientadores: ajudam os Clubes a serem bem sucedidos durante os dois primeiros anos de trabalho; orientam e treinam dirigentes e associados dos Clubes; motivam e dão apoio no desenvolvimento e aumento dos Clubes; identificam recursos disponíveis para ajudar os Clubes.

O número de vagas para o Distrito LC-6 é limitado.

Os eventuais interessados em participar do programa, querendo, poderão obter maiores informações com o 1VGD MJF Glauber Gomes da Silva.

 

SUCESSO NA REALIZAÇÃO DA 2.ª RGD DO ANO LEONÍSTICO 2020/2021:

Conforme foi previamente anunciada, a 2.ª reunião do Comitê do Gabinete Distrital do LC-6 foi realizada virtualmente em 22 de novembro de 2020.

O resultado final do evento foi extraordinário, tanto pelo formado como pelo seu desenvolvimento. A abertura da tela foi inovadora. Preparada pelo 1VGD Glauber, que contou com a participação e colaboração do PDG MJF Renato Rodrigues e da MJF Karina Casanova Rodrigues (do Distrito LB-1), do MJF Rodrigo Laviere Mendes (do Distrito LC-2) e do 2VGD MJF Alexandre Mendes (do Distrito LC-11), a apresentação foi impecável.

Depois da formação da mesa dirigente, o DG MJF Antonio Paulo Caliento comandou a abertura protocolar. Depois, em suas mensagens iniciais, o Governador do LC-6 apresentou seus agradecimentos, solicitou um minuto de silêncio pelos Companheiros, Companheiras e Domadoras falecidos no período, comentou as dificuldades encontradas durante a pandemia da Covid-19, ressaltou os resultados alcançados pela Governadoria no primeiro quadrimestre da sua gestão, reiterou a necessidade do cumprimento das metas que estabeleceu, e destacou o início das suas visitas oficiais aos Clubes.

Na sequência houve a manifestação do Secretário e Coordenador Geral do Distrito, do Tesoureiro do Distrito, dos 1.º e 2.º Vices-Governadores, do 1VCC José Gomes Duba das Chagas, do Presidente do Conselho de Ex-Governadores do Distrito, dos PDGs participantes, do Assessor Distrital da Mutua Leonística, e mensagens de um representante de cada segmento administrativo do Distrito (Presidente de Região, Presidente de Divisão, Assessor Distrital, Presidente de Clube e Presidente do Distrito Leo).

Houve a mensagem do Orador Oficial do evento, PC PMJF Eduardo Jacob, Presidente do Distrito Múltiplo LC.

Em sua mensagem final o DG Caliento reiterou seus agradecimentos pela colaboração que tem recebido, comentou suas expectativas futuras e manifestou sua confiança em novos tempos.

A ata da reunião está sendo ultimada pelo Secretário do Distrito e será distribuída aos interessados nos próximos dias.

A reunião foi gravada pelo 1VGD Glauber. Aqueles que desejarem receber o vídeo e áudio do evento poderão fazer a solicitação junto a esta Coordenadoria, que atenderemos de imediato.

 

A EDIFICAÇÃO DO LEONISMO:

 

As edificações necessitam ser construídas em bases sólidas.

Os edifícios, de acordo com a sua destinação, merecem atenção especial no que diz respeito à área construída e materiais a serem empregados, das fundações à cobertura, tudo meticulosamente executado de acordo com o projeto que foi elaborado, fruto de estudos de especialistas como arquitetos, engenheiros, decoradores e outros.

Depois de pronto, o edifício geralmente é inaugurado com grandes festas e anúncios.

Mas, e depois?

Depois de construído, e depois da sua inauguração, o edifício precisa ser conservado para enfrentar os danos que o tempo poderá lhe causar.

Ora é uma parede que apresenta rachaduras. Outras vezes é o telhado que acusa infiltrações. Regularmente a pintura precisa ser refeita. Enfim, tudo aquilo que o tempo e o uso lhe deixarão como marcas. Um dia, talvez, necessita passar por uma reforma, para melhor se adaptar a novas situações que mudanças estruturais ou conjunturais venham a impor. Só assim continuará sendo útil para a finalidade a que se propôs.

As instituições, assim como as edificações, necessitam ser construídas em bases sólidas. As instituições merecem as mesmas atenções dispensadas à construção de um edifício. O projeto precisa ser bem delineado, devidamente aferidos os meios para executá-lo, dentro de um cronograma que deve ser rigorosamente cumprido para a otimização dos recursos que vão sendo empregados.

Após colocada em funcionamento, fazer tudo para que a instituição cumpra as finalidades a que se propôs. E, para mantê-la coerente com os seus princípios, cuidar para que se tenha os meios indispensáveis à sua permanência, tal e qual foi idealizada.

As instituições, do mesmo modo que as edificações, também são passíveis de transformações: novas propostas, aperfeiçoamento daquilo que já foi feito, acompanhando a dinâmica que o próprio tempo sugere. São mudanças que a natureza indica e solicita com insistência.

E UM LIONS CLUBE, como instituição que é, não pode se desviar da referida conceituação.

Teve um preparativo para a sua fundação, uma designação da sua área de atuação, escolha dos associados e os projetos de atividades.

Tudo foi cuidado para que a entidade atinja e cumpra seus objetivos, mantendo-se fiel aos propósitos estabelecidos na filosofia que foi a base de tudo.

Todo Lions Clube é sustentado por três pilares que devem ser bem construídos e conservados. São essas três colunas que irão suportar toda a série de embate a que a estrutura estará sujeita ao longo do tempo. Estamos nos referindo à FILOSOFIA, ao COMPANHEIRISMO e ao SERVIÇO. Toda eficiência e eficácia que se pretende para obter a excelência de resultados que o Clube deve buscar atingir será o resultado da conjugação desses três elementos.

Tantas vezes Clubes são fundados, tantos novos associados são admitidos, mas que não duram por muito tempo. Faltou-lhes a segurança na construção daqueles pilares e na sua manutenção.

Os pilares da filosofia, do companheirismo e do serviço que não forem convenientemente alicerçados serão rapidamente corroídos e não conseguirão sobrepujar as adversidades a que estarão expostos.

A pintura que revela para o extetior o que é a beleza do leonismo, se manchada ou corroída transmite uma impressão desagradável a quem dele se acerca.

Rachaduras e infiltrações na edificação de uma célula leonística provocam danos ate irreparáveis.

O que se observa em alguns Clubes, infelizmente, é o desprezo que vem sendo dado para a manutenção desses pilares.

Precisamos descobrir quais os componentes da “argamassa” necessária para ser utilizada pelos Clubes e que sejam capazes de enfrentar a ação do tempo.

O respeito a todos os elementos que constituem a base da filosofia leonística, o exercício de uma conduta coerente com os salutares propósitos do companheirismo, e a prática de um serviço que apresente resultados reais, se não observados pelos Clubes, certamente darão como destino um grupo de Leões mal formados e mal conduzidos, que levará, fatalmente, ao aumento dd ex-Leões (já tão numerosos). E não podemos esquecer d péssima imagem que transmitirão para a sua comunidade.

Se podemos dizer que a filosofia, o companheirismo e o serviço são pilares de sustentação do leonismo, poderemos definir, também, que essas três colunas representam o princípio, o meio e o fim para a excelência do nosso movimento.

Portanto, prezados Companheiros Leão, Companheiras Leão, Domadoras e Leos, precisamos ser realistas com relação ao movimento leonístico.

A afirmação do “construir e não destruir” contida no Código de Ética pode perfeitamente nos levar à figura da manutenção e da conservação que é objeto desta mensagem.

Há necessidade de uma análise crítica sobre nossa realidade!

Não muitos anos atrás, por falta de manutenção, um Clube do nosso Distrito LC-6 com quarenta anos de existência desmoronou e foi ao chão.

Existem alguns outros poucos Clubes que, também por falta de manutenção em seus três pilares básicos, estão prestes a desmoronar.

Cada um de nós precisa ser um operário e dar sua contribuição na manutenção e conservação do seu próprio Clube, pois somente assim, com uma ação prática e efetiva, é que poderemos, juntos, contribuir para o exercício de uma atividade leonística coerente com os princípios que nos foram transmitidos por Melvin Jones e seus legítimos seguidores.

Este é um ponto de vista pessoal deste Coordenador Geral do Distrito LC-6 que, como sempre, está sujeito a considerações contrária

 

 CLUBES DO DISTRITO LC-6 FUNDADOS EM DEZEMBRO:

Dia 03 - Franca-Inovação

Dia 04 - Igarapava

Dia 17 - Indiaporã

Dia 21 -   Ribeirão Preto-Jardim Paulista

 

CUMPRIMENTOS AOS ANIVERSARIANTES DE DEZEMBRO:

Aos aniversariantes de dezembro muita harmonia, saúde e paz. Parabéns e felicidades! Que Jesus abençoe cada um de vocês e seja Guia de todos. Saibam que sua amizade é muito importante para todos nós, e que Deus permita que essa amizade perdure por longos anos.

Um ano inteiro se passa e, quando damos conta, estamos ficando mais velhos. O mais comum e esperado é se comemorar com a família e com os amigos. Se o ano que passou foi bom, comemore todas as conquistas; se não foi muito favorável, comemore pelo próximo ano de vida que está começando.

O aniversário é mais um estágio no desenvolvimento e ocasião propícia para uma introspecção. Precisamos sempre perguntar a nós mesmos qual a distância dos atos que praticamos ou daqueles que ainda podemos praticar e adicionar.

Fazer aniversário é olhar para trás com gratidão e para frente com fé! A todos vocês, aniversariantes de dezembro, que relacionamos abaixo, os cumprimentos e o carinho do DG MJF Antonio Paulo Caliento e toda sua equipe.

 

NASCIMENTO NOME CLUBE
1/12 GLAUBER GOMES DA SILVA NHANDEARA
1/12 MARIA ALICE BOTTURA LIVON TAQUARITINGA
1/12 MARIA CATARINA LAVRADOR BRACIALI DAMIANI TAQUARITINGA
1/12 MARIA LOURDES BARRETO FERREIRA FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
1/12 MARLENE BARBIERE ARAUJO VOTUPORANGA
1/12 SILVIA HELENA VICENTE FURTADO SAO JOAQUIM DA BARRA
1/12 SILVIA SUMAN CURTI PALMEIRA D'OESTE
2/12 ANA PAULA AVANZZE BARBOSA SAO JOSE DO RIO PRETO LETICIA ARROYO
2/12 BERNADETE APARECIDA DE AGUIAR SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO
2/12 CELSO WILLIAN FRACASSO TANABI
2/12 ITALO DE MATOS GIROTTO SAO JOSE DO RIO PRETO LETICIA ARROYO
2/12 JOSE BATISTA CORNELIAN JABOTICABAL
2/12 VALDECIR FERRARI PALMEIRA D'OESTE
2/12 VICENTE DE PAULA SANTOS MIGUELOPOLIS
3/12 AIDA MARIA PIOLA FERREIRA FRANCA DO IMPERADOR
3/12 ARLETTE GOULART BOSCHILIA NHANDEARA
3/12 JOSE LUIS MONTEIRO DE OLIVEIRA FRANCA CIDADE NOVA
3/12 MILTON DA SILVA LIMA MONTE AZUL PAULISTA
4/12 ADAIR VIEIRA ARNONI ORLANDIA
4/12 ANA LUCIA VIANNA PAOLI CATANDUVA
4/12 ANTONIO CELSO GALDINO FERNANDOPOLIS
4/12 ELIANE MARIA GOMES DE ARAUJO FRANCA INOVACAO
5/12 ALEXANDRE ONOFRE BELUCIO VENÂNCIO FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
5/12 JOAO ROBERTO OTAVIO SAO JOAQUIM DA BARRA
5/12 THEREZA C. MAGALHAES ANDRADE MIRASSOL
6/12 ANTONIO MAURO ALVES FRANCA DO IMPERADOR
6/12 LUIZ CARLOS SAMPAIO MONTE ALTO
6/12 MAGALI GARCIA DE CARVALHO TANABI
6/12 ODETTE POLLI NOVAS ARROYO MONTE AZUL PAULISTA
6/12 PATRICIA DE JESUS GIMENES VELINE OUROESTE
6/12 WALDOMIRO FERREIRA FILHO JABOTICABAL
7/12 LUIS GUSTAVO NARDELLO OLIMPIA ENERGIA
7/12 ORLANDO CICOGNA JUNIOR MATAO
7/12 ROSANGELA VIDOTTI MONTE AZUL PAULISTA
8/12 CLEIDE CONCEICAO DI PIETRO GILBERTONI TAQUARITINGA
8/12 MARIA IMACULADA C BEGA RIBEIRAO PRETO CAMPOS ELISEOS
8/12 MARIA IVONE NEVES DEDEMO ORLANDIA
8/12 ROSELY C. GAZZOTTO ARAUJO JABOTICABAL
8/12 SILVANA P. P. L. RAMALHO JALES
8/12 SILVIO DE MESQUITA SACANI JABOTICABAL
9/12 DANIEL FEDOZZI POTIRENDABA
9/12 ELIANA TOZZI DUMONT
9/12 ISABEL CRISTINA C DE SOUSA MONTE AZUL PAULISTA
9/12 NATHÁLIA RAMUCE TOGNOLI AURIFLAMA
10/12 APARECIDA CARDOSO DE OLIVEIRA FERNANDOPOLIS
10/12 FABIO LUIZ MARQUES DE BRITO AURIFLAMA
10/12 FERNANDA LOPES CHEDID SAO JOAQUIM DA BARRA
10/12 MARIA APARECIDA SILVERIO DE ASSIS ANDRE BARRETOS
10/12 MAURO LUIS BERNARDINO FRANCA
10/12 OLANIRA BIGARAM FAVA MIRASSOL
10/12 RENATO REINALDO SPEDO MATAO
10/12 RUBENS LEITE FRANCA DO IMPERADOR
10/12 VANDA MARIA PISSOLATO BASSAN MIRASSOL
10/12 ÉRICA CARREIRA DE FREITAS JARDINI GUAIRA AGUAS CORRENTES
11/12 ANGELA MARIA A BALDINI ORLANDIA
11/12 FERNANDO BENTO BARRETOS
11/12 MARCOS ANTONIO DOMINGOS PEREIRA MATAO
11/12 MARCOS FERNANDO DA SILVA FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
11/12 MARIANGELA ALVES JORGE SILVA MIGUELOPOLIS
12/12 DANIELA DE ARAUJO BARROS JABOTICABAL
12/12 MERCEDES DE PAULA BELINI JALES
12/12 NIVALDO LUCIO MAZZA TANABI
12/12 OSMAR GRACIOSO LOUREIRO CRAVINHOS
13/12 EDUARDO LUCIO NICOLELLA JABOTICABAL
13/12 ELIANA LARANJA IGLESIAS DINARDI FERNANDOPOLIS
13/12 LUZIA KATSUKO WATANABE NEVES PAULISTA
13/12 NORIVAL LUCIANO CORTEZ TAQUARITINGA
14/12 ALOISIO JUNQUEIRA MELLEM FRANCA SOBRAL
14/12 ANTONIO CELSO DO CARMO FRANCA
14/12 HELIA CIRILLO CHRISOSTOMO RIBEIRAO PRETO
14/12 JOACIR GUARNIERI ORASMO IPUA
14/12 MARIANA SOUZA PEREIRA FRANCA SOBRAL
14/12 RENAN CONTRERA DE PAIVA TANABI
14/12 SHEILA MARA PARREIRA SALLUM JABOTICABAL
14/12 SILVIA HELENA ESCOLARIQUE CRAVINHOS
15/12 ALVARO ALVES DE CAMPOS JR. CATANDUVA
15/12 CESAR DE ALENCAR MARAVAL BARRETOS
15/12 MARTA R CANTOLINI TONIELLO SERTAOZINHO
15/12 MÁRCIA ABAD VIEIRA CRAVINHOS
15/12 NILSON VISONA AURIFLAMA
15/12 SUZI ZANIN DA SILVA SAULLO SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO
16/12 ANDREA MACIEL DA SILVA AURIFLAMA
16/12 CLEBER LUIZ DE ALMEIDA REZENDE SILVA SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO
16/12 MARCIA HELENA D PERRONE JABOTICABAL
16/12 MARLENE DA SILVA PERES FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
17/12 ANTONIO OLIMPIO DIAS BRODOWSKI
17/12 EDLEA RUAS REATO BRODOWSKI
17/12 JOAO LEITE BUENO MIRASSOL
17/12 VANESSA CRISTINA MIRANDA VALERIO TAQUARITINGA
18/12 HELENICE PIERINI YAMADA CRAVINHOS
18/12 LEADIR GIORIA CAMAROTO DUMONT
18/12 NEUSA APARECIDA DOS SANTOS PEREIRA GUAIRA
18/12 OCIMAR PÉRSICO CABRAL MIRASSOL
18/12 PAULO EDUARDO ZUCARELLI FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
19/12 ALESSANDRA ZOTARELLI GOMES DA SILVA SANTA FE DO SUL ESTANCIA TURISTICA
19/12 CELIA CRISITNA DA SILVA MARAVAL BARRETOS
20/12 FERNANDO HENRIQUE MEDICI SAO JOSE DO RIO PRETO SUL
20/12 JOSE CARLOS ALVES GUIMARAES OUROESTE
20/12 LEILA MARIA COSTA LIMA PEDREGULHO USINA DE ESTREITO
20/12 MARCIA REGINA VANCIM DA SILVA IGARAPAVA
21/12 JUSSARA SERAFIM BERTOZ MONTE ALTO
21/12 SERGIO LUIZ BROZEGUINI BRODOWSKI
22/12 FABIO ALEXANDRE G. DE SOUZA AURIFLAMA
22/12 JOAO RICARDO GARCIA CARVALHO DA SILVA VOTUPORANGA BRISAS SUAVES
22/12 LUIS A CONTIN SILVA SAO JOAQUIM DA BARRA
23/12 ADALBERTO LUIS NAVARRETTE MIRASSOL
23/12 ANGELINA AP CESTARI APPOLONI FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
23/12 CLEUSA SALGUEIRO BATISTA BATATAIS
23/12 DANIEL FERNANDES REGASSI GUARIBA
23/12 FÁBIO LUIZ DIOGO GUAIRA AGUAS CORRENTES
23/12 JULIA ADAMARIS MARTINS BRANDAO ORLANDIA
23/12 PATRICIA JUNQUEIRA MIGLIORI MAGGIO ITUVERAVA
23/12 RONEI REGIS DO NASCIMENTO PASSOS
24/12 JOÃO MARCELO CAETANO JOSÉ FLORIDI PORCIONATO CATANDUVA
24/12 LUIZ MARCOS ANTUNES D MACEDO INDIAPORA
24/12 MARIA KUMI WATANABE FUCHIWAKI IPUA
24/12 MARILENE P. RODRIGUES LINO AURIFLAMA
24/12 NOEMIA B DE CARVALHO OTAVIO SAO JOAQUIM DA BARRA
24/12 PAULO DE FIGUEIREDO VIEIRA JABOTICABAL
24/12 SONIA REGINA TARLAU CORRêA FERNANDOPOLIS CIDADE PROGRESSO
25/12 LUIZ CAPELA VOTUPORANGA ABILIO CALILLE
25/12 MARIA APARECIDA DE MOURA MARTHA OLIVEIRA SAO JOAQUIM DA BARRA
25/12 MARIA NATALINA R CAMPLESI JABOTICABAL
25/12 MOACIR JOSE MELLOTE ICEM
25/12 NATALINO BAZILIO DE AZEVEDO IGARAPAVA
25/12 RONI APARECIDA GALVES GAVIOLI TAQUARITINGA
25/12 SIRLENE AMARAL DIAS ITUVERAVA
25/12 SUELI AP GODOY VENANCIO FRANCA
26/12 BRUNO VICENTE DE SOUSA VOTUPORANGA
26/12 CECILIO JOSE PRATES GUAIRA
26/12 DANIELA SUNHIGA PALMEIRA D'OESTE
26/12 LUCIANO RODRIGUES DE PAULA GUAIRA
26/12 MARIA ANTONIA APARECIDA BEDIN LASTORIA GUARIBA
26/12 MARIA DE LOURDES DÃO DE OLIVEIRA JALES
26/12 REGINA P R ESCAROUPA JABOTICABAL
27/12 AMAURI JESUS MIRANDA DE MELLO MATAO
27/12 EDUARDO CHEDID SAO JOAQUIM DA BARRA
27/12 FLORIZA APARECIDA BARCELLOS DONEGA MONTE ALTO
27/12 IGNES COSTA GERALDINI POLONI
27/12 MARIA APARECIDA MARQUES BERALDI BATATAIS
27/12 MARTA SILVA DE MENDONCA MIGUELOPOLIS
27/12 MAURICIO RIBEIRO DE MENDONCA MIGUELOPOLIS
27/12 SERGIO ZUBIOLI DE SOUZA IPUA
28/12 BRUNA SOUZA SILVA PIMENTA SÃO SEBASTIÃO DO PARAISO
28/12 CLAUDEMIR MOREIRA MATAO
28/12 JAIR MARCON DUMONT
28/12 JOSE ROBERTO DE ALMEIDA BARROS GUAIRA
28/12 MARCOS JOSE LUIZ SAO JOAQUIM DA BARRA
30/12 LAUDO GARCIA PIZZIGUINI AURIFLAMA
30/12 ROSIMAR FRANCISCA TOMAZ REZENDE OUROESTE
30/12 WALTHER SPINELLI FILHO TAQUARITINGA
31/12 AMADO D RICARDO SOUZA GUAIRA
31/12 ELIEZER MARCOS FREIRI NHANDEARA ALIANCA
31/12 GUSTAVO LUÍS DOS SANTOS JABOTICABAL
31/12 MARIA CRISTINA PAVAN NEVES PAULISTA
31/12 MARIA MARTA DA SILVA PENHA FRANCA CIDADE NOVA
31/12 NELSON GONÇALVES SAO JOSE DO RIO PRETO

            

RESPOSTAS – QUAL O SEU QI EM LEONISMO:

01.  1945

02.  1987

03.  10 de outubro

04.  01 de julho

 

Um fraterno abraço a todos e até o próximo mês, se Deus assim o permitir.

PDG MJF ANTONIO DOMINGOS ANDRIANI

Coordenador Geral do Distrito LC-6

 

 

 

Cc:       Membros do Conselho de Ex-Governadores do Distrito LC-6

1.º e 2.º Vice-Governadores do Distrito LC-6

            Presidentes de Região e Divisão do Distrito LC-6

            Assessores e Assistentes Distritais do LC-6

            Outros CCLL, CCaLL e DDMM interessados